A Seleção

classic Clássica list Lista threaded Em Árvore
15 mensagens Opções
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

A Seleção

Yanko
Administrador
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Pietr4
Alexander Grace L. | 21 anos - Casta 3

Riu - Não importa - sussurrou, dando uma mordidela ao pé da sua orelha - Se quer saber... eu não me importo com meu emprego, quero mesmo é largá-lo e poder ficar com você, só me preocupo com a seleção. Não quero que seja eliminada, e se precisar eu me demito. - sussurrava com um pequeno sorriso nos lábios, ele havia decidido que, se precisasse, iria demitir-se somente para ficar com Pamela. Fechou os olhos com a carícia nos cabelos enquanto sorria largamente sentindo as mãos delicadas da garota - Eu estou é feliz por finalmente gostar de alguém. Eu nunca... nunca namorei - murmurou um pouco envergonhado mas a deu um chupão no pescoço e subiu os lábios até os dela a beijando suavemente - Não vou disfarçar o que eu sinto. Quando sairmos daqui, não importa o emprego eu não vou esconder que - engoliu um seco e olhou nos olhos da garota sentindo as mãos frias dela percorrerem seu abdômen. - eu te amo - sorriu de canto e acariciou os cabelos de garota descendo as mãos do topo de sua cabeça á nuca e passando os dedos entre os fios de cabelo. Beijou sua bochecha, o início do pescoço e finalmente a clavícula, puxando a alça da sua blusa com os dentes para baixo junto ao sutiã e deixando-os largos ao seu ombro - Não faço nada que você não queira. A Menos que estranhe - sim, era bem estranho apaixonar-se tanto em apenas 2 dias... beijá-la e abraçá-la daquela forma. Ele sabia pouco da garota, mas o bastante para achá-la a garota mais perfeita do mundo.
Apertou levemente um dos seios da garota e sorriu de canto beijando-a do pescoço e mordendo o lóbulo da sua orelha. Virou-a de costas e a abraçou pela cintura enquanto não parava de beijá-la do início do ombro até a orelha, repetindo várias vezes dos dois lados. Deu uma leve palmada na garota e riu próximo ao seu ouvido - Você é bem mais gostosa do que eu imaginava - sorriu e deu um apertão na bund.a da morena. As roupas que ela  estava usando eram comportadas demais... pegou-a no colo enquanto retirava seus sapatos e jogava-os no canto da sala. Sem salto ela ficava bem mais baixa que ele... mas tamanho não era documento e ele a amava do mesmo jeito. Rasgou a parte de cima do traje desta e jogou em qualquer canto. Fora assim que aprendeu quando era pequeno e foi treinado a combater o fogo retirando as roupas e entrando nele, aliando-se a ele. Colocou uma das mãos dela sob seu abdômen e outra sobre o seu peitoral - Agora retire o resto. Vamos ver se eu tenho piedade de você - brincou mordendo o lábio inferior enquanto olhava para os seios da garota, eram realmente satisfatórios e fartos, ela era linda dos pés a cabeça enquanto ele não tinha nada de "perfeito" pelo menos para si, ele não era nada bonito assim como seu pai, nunca o vira antes mas pelo jeito que a mãe o descrevia quando Alex tinha apenas 5 anos seu pai era incrivelmente estranho.


Off: Ficou ruim .-. criatividade foi pro saco XD
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Yanko
Administrador
Pamela Busson Koothrappali - 20 anos - Artista

Ouviu entre as carícias do rapaz, o que ele dizia sobre largar o emprego.  ─ Não vai precisar largar o emprego.  ─ Falava ainda sussurrando. ─ Como disse, não precisamos contar para ninguém. ─ Falou sorrindo ainda olhando o rapaz.  ─ De qualquer maneira, eu não passaria perto de ganhar a seleção. E nem me importo com isso.  ─ Falou sem citar muito sobre os príncipes e toda a coisa, e ela sabia que Alex a tinha visto andando pelos corredores com Chase, e ele conhecia o castelo, provavelmente sabia que aquele caminho os levaria para o quarto do príncipe, mas ela não citou nada disso para que não surgisse o assunto, com certeza iria acabar com o clima, ou melhor, detonar totalmente. De qualquer forma, não queria que ele pensasse que tinha feito nada com Chase.─ Não ligo de ser eliminada. ─ Falou levando em conta de que se ganhasse, se casaria com um príncipe. Naquele momento, ela nem sabia se Alex iria querer algo sério com ela, mas não conseguia pensar demais.  
No instante em que o rapaz disse que nunca havia namorado antes, Pamela o olhou e continuava com a mão na nuca do rapaz. ─ Nunca namorou? ─ Ela não faria essa pergunta, mas ela se recusava aceitar que era só mais uma das meninas que ele dizia isso para ficar com elas, e falar que gostava delas, ela não queria pensar assim, mas lembrou-se de Raven.
E então o rapaz a deu um chupão no pescoço, onde ela segurou-se para não soltar um gemido abafado.  No momento em que ouviu o "Eu te amo", ela ficou totalmente sem reação, eram palavras muito fortes, e ela queria muito acreditar que eram verdadeiras, e acreditava, e não sabia se estava pronta para dizer. Ela sabia onde ia dar se continuassem com todos esses beijos e carícias, e não o faria com qualquer um, ele era mesmo especial para ela, mas não era tão boa com palavras quando se tratava de sentimentos. No fundo ela sabia que queria muito dizer essas três palavras, porém não saíam de sua boca. Ela então sorriu, sorriu com as palavras que fizeram seu cérebro parar novamente de pensar em seus princípios e regras imaginárias. Sorriu com a mini declaração. Sorriu ao ouvir aquelas palavras que ela nunca ouvira e esperava por elas a tanto tempo. E então juntou seus lábios ao do rapaz mais uma vez, num beijo apaixonado. O rapaz por sua vez, beijou em seguida sua bochecha e seguiu caminho até a alça da blusa e do sutiã de Pam, dizendo que não faria nada que ela não quisesse. Ela se sentia estranha, principalmente por querer aquilo, querer o rapaz, que mal conhecia, e ela não admitia, e não falaria em voz alta ─ assim pretendia ─, mas ela o desejava mais do que ela podia imaginar. Ela nunca tinha tocado o abdômen de um homem, e ela gostava daquela sensação, da sensação que os beijos e carícias do rapaz a traziam.
Ao sentir o rapaz tocar seu seio, a menina estranhou um pouco, porém era um estranho bom. Ela não pôde evitar dar um baixo gemido quando sentiu que o rapaz lhe deu uma palmada ao virá-la de costas. Ao ouvir o que ele disse em seu ouvido, ela deu um riso envergonhado e sentiu corar seu rosto, mas não significa que ela não gostou de ouvir.  Depois disse ela se sentiu sendo puxada para o colo do rapaz, que por sua vez, começou a tirar a roupa da morena, deixando seus seios completamente a mostra. Ela ficou um pouco envergonhada e com medo de que não o agradasse, mas não deixou que percebesse. Ele colocou as mãos da moça sobre seu abdômen e seu peitoral, mas não tinha sido nenhum sacrifício, céus, como ela tinha gostado de tocá-lo. A sala começou a ficar quente demais e aos poucos seus corpos ficavam suados, ela normalmente não acharia tão atrativo, porém agora ela começava a sentir-se excitada cada vez mais, e era uma sensação estranha e nova para ela. Ela sorriu com a fala do rapaz, e então o olhando tirou sua parte de baixo, ficando apenas de calcinha. Ela voltou à beijá-lo e agora passava a mão pela lateral do rapaz até descer em sua calça, onde levou de leve suas mãos até o membro do rapaz por cima da calça. Deu uma leve mordida no lábio inferior do rapaz e levou seus lábios até a orelha do mesmo.  ─ Sua vez ─ Sussurrou tentando parecer o mais sexy possível. Em seguida deu-lhe um selinho e sorriu.


OFF: Fiz meio correndo, mas tá valendo x.x
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Pietr4
Alexander Grace Ludwig | 21 anos - Soldado

Riu com a atitude da garota e começou a retirar o cinto devagar - Só espero que não se decepcione com o tamanho... - brincou, selando-a e dando uma leve mordida no lábio da garota o puxando e depois o soltando e lambendo seus lábios. Desceu a calça e ficou apenas de boxer, uma boxer branca e quase transparente por estar molhada (de água) por ele ter ido nadar de roupas. Massageou os seios da garota e abocanhou um, num ato rápido e deu uma leve mordidela no bico do peito - Me surpreende a cada vez mais - murmurou, enquanto descia uma mão a sua calcinha sentindo a umidez e massageando o local devagar até que ouvisse a garota gemer. Subiu a mão lentamente pela sua barriga a acariciando e chegando até um de seus seios. Beijou a garota intensamente e sorriu pegando uma de suas mãos e colocando sob o seu membro a cima do tecido - Está bem grandinho não é? Parece que ele gostou de você - sussurrou brincando e riu mordendo de leve a sua bochecha - Retire, derrube-a no chão e agache para pegar - ordenou com um sorriso malicioso nos lábios. Desceu um pouco da lateral da calcinha da garota e já pode ver sua virilha - Não, nunca namorei... Raven é a única pessoa que tenho. Irmã mais velha - sussurrou mas encerrou o assunto olhando bem no fundo dos olhos da garota e mordendo seu lábio com força e beijando-a logo em seguida - Você é única -

Off: Errei algum BBcode ;-; e o turno ficou lixin XD
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Yanko
Administrador
Pamela Busson Koothrappali - 20 anos - Artista

Pamela sentia um pequeno nervosismo quando o rapaz começou a tirar o cinto da calça, e também quando ele riu, ela tinha um enorme medo de agir errado ou falar a coisa errada. Mas logo deu um sorriso com o que o rapaz disse.  ─ Não tenho com o que comparar ─ Bom, ela não tinha com o que comparar, não sabia exatamente o que seria um "bom tamanho", para falar a verdade, ela não tinha pensado tanto nisso. Na verdade, ela não podia nem imaginar que o que estava acontecendo, aconteceria tão cedo, e no castelo, com um guarda. Mas ela quis deixar claro de uma maneira que não entrasse tanto no assunto, de que ela nunca havia feito aquilo antes. Ela devolveu uma mordida no lábio do rapaz e entrelaçou suas línguas por alguns segundos. Então o rapaz estava só de cueca box, em seguida passou seus lábios para os seios da garota, e desceu uma das mãos até a calcinha da garota, que tentava conter os gemidos, mas do mesmo jeito eles saíam, um tanto abafados. Uma das mãos de Pam foi levada até a cueca do rapaz, o que a fez enrubescer e ao mesmo tempo dar uma mordida no próprio lábio inferior. A cueca era bem mais fina do que a calça, e ela sentia muito mais claramente o membro do rapaz agora que antes. Ela então passou a mão por dentro da cueca do rapaz, sentindo seu membro, que ela não tinha como comparar, mas pelo jeito que ele disse parecia bem menor. Ela então com a mão que estava por dentro da cueca do rapaz, passou a mão pelo membro do rapaz e fazia um movimento em círculos na ponta do mesmo. Ela agora diferente das outras vezes, não olhava diretamente para o rapaz, ela se sentia em parte, envergonhada por estar fazendo aquilo. Ela então começou a abaixar a cueca do rapaz, e ela ia se ajoelhar bem ali, mas lembrou-se de que, bom, ela não fazia a menor ideia de como usar a sua boca e mãos para dar prazer ao rapaz. E então esperou que ele terminasse de tirar e ela voltou com os lábios por volta do peitoral e pescoço do rapaz lhe dando alguns beijos e alguns chupões. Ela tentava não olhar muito para baixo, mas era quase impossível. Quando ele disse sobre Raven, ela ficou confusa, muito confusa, mas não ia falar daquilo agora. Ela agora estava com uma das mãos na nuca do rapaz e a outra descendo pelo peitoral, abdômen e chegava em seu membro, agora nu. Ela deu continuidade aos beijos que o rapaz a dava, cada vez mais intensos.


OFF: Tive que fazer correndo dnv >.>
"ela não fazia a menor ideia de como usar a sua boca e mãos para dar prazer ao rapaz" ~jeito formal de dizer que ela ia fazer um boquete nele, mas deixa baixo :v
Acho que tenho que sair, dia de semana não posso ficar até muito tarde no pc..
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Pietr4
Alexander Grace | 21 - Soldado

- Mentira - disse erguendo uma sobrancelha, mas percebeu o nervosismo da garota e a beijou - É Como dançar valsa, deixe que eu conduza - não fora o melhor conselho da vida mas riu. Os gemidos contidos da garota falhavam e se ouvia um pouco da sua voz - Pode gemer, gema alto... eu quero ouvir - sentiu a mão da garota invadir a boxer e mordeu o lábio inferior puxando ar para dentro e tombando a cabeça para trás, a garota não o olhava nos olhos, ergueu o rosto dela delicadamente e a beijou dando um suspiro no final por falta de ar e pela excitação enorme que sentia. Via a garota numa tentativa falha de não corar tentar abaixar a box mas desistiu, ele a retirou e sentiu os beijos contínuos da morena com um largo sorriso no rosto; aquilo iria ficar marcado e todo mundo iria ver já que ele raramente usava camisa.
Passou a mão da garota que antes estava em sua nuca para o seu rosto e depositou um beijo na palma subindo a língua ao seu indicador e colocando-o na boca; deu alguns chupões e sorriu dando uma mordida no dedo dela. Riu e pegou suas mãos fazendo-a abraçá-lo enquanto ambos tinham os lábios grudados um ao outro;.
Virou a garota novamente de costas e deu-lhe uma palmada forte das que deixaria a mão marcada na bunda dela, ficaria vermelho - Não é possível. Você é gostosa demais - sussurrou mordendo a sua orelha e descendo para o pescoço. Pegou-a no colo e a levou até o sofá que havia num canto da sala. Empurrou-a fazendo-a ficar de quatro e deu mais uma vez um palmada só que agora doutro lado.
Agachou-se e deu uma mordida no local em que estava a marca de sua mão, ela era satisfatória... tinha uma bela bunda e isso fez ele rir, nunca havia pensado tanto no corpo de uma garota como naquele momento.
Começou a dar lambidas e chupões entre as nádegas da garota penetrando-a com a língua e fazendo movimentos rápido enquanto as afastava para dar espaço a sua boca. Fez com que a garota abrisse mais as pernas e deitou-se a ponta do sofá entrando debaixo da garota, agora seria como cavalgar ela teria de rebolar em sua boca. Penetrou a língua sob a intimidade da garota e começou a dar fortes chupões e mordidelas enquanto as duas mãos seguravam a cintura desta.
Seus pensamentos estavam na lua e ele já nem estava mais em si, estava louco por Pamela e aquilo era um mal sinal pois se fossem repetir aquilo de novo ele iria machucá-la de verdade com os brinquedos sadomasoquistas que Raven tinha o presenteado e que ele nunca usara mais usaria pela primeira vez na garota. Ela seria a primeira a presenciar um lado ruim de Alex um mais pervertido do que ele já era, e que faria qualquer garota ir a loucura.
Deu um tapa duplo e ritmado nas duas nádegas enquanto penetrava mais fundo a garota - Rebole mais rápido - ordenou começando a masturbá-la e mordendo de leve seu clítoris


Off: De repente eu não sei mais o que escrever .-.
Esse turno ficou tão ruim que dá vontade de chorar Ò.Ó
Não dá para digitar ouvindo lavender town .q aquela música é demoníaca. Mals a demora e.e'
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Yanko
Administrador
Pamela Busson Kothrappali - 20 anos - Artista

Ela agora sabia que não teria problema em soltar gemidos, mas ainda tinha vergonha de os soltá-los, mesmo que muitos não dessem mais para ser contidos. O rapaz então tinha levado as mãos de Pamela até suas costas enquanto se beijavam, e ela agora sentia o membro do rapaz encostado ao seu corpo enquanto ela passava as unhas de leve nas costas do rapaz. Ao sentir a palmada do rapaz ─ mais forte desta vez ─ ela não pôde segurar que um gemido, consideravelmente alto, saísse de sua boca. O rapaz a levou até um sofá, onde ela tinha sido deixava de quatro pelo próprio rapaz, que em seguida deu-lhe outra palmada e levou sua boca para dar uma mordida onde estava a marca de sua mão numa das nádegas da garota.
A garota agora não podia mais conter os gemidos quando o rapaz passava a língua por sua intimidade. Ela arqueava suas costas e se mexia sobre a língua do rapaz, como o mesmo disse para que ela fizesse. A cada palmada que sentia do rapaz parecia que se excitava mais ─ e ela nem imaginava que era possível.  ─ Alex ─ Ela tentava sussurrar entre seus gemidos. ─ Isso é muito bom... ─ Ela disse ainda sussurrando enquanto passava uma das mãos em seus seios e a outra estava no sofá, lhe dando apoio enquanto ela rebolava sobre a boca do rapaz.

Off: Meu post ficou ridiculamente pequeno, sorry ;-;
Brinquedos sadomasoquistas hsauhs' O.o
sahsu' pse x.x

Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Pietr4
Alexander Grace Ludwig | 21 anos - Soldado

Sorriu enquanto masturbava a garota e voltou a chupá-la muito mais forte do que antes, agora dando leves mordidas. Estimulava um dos seios da garota enquanto penetrava ainda mais forte a língua e depois retirava-se da garota. Sentou-se e acariciou os cabelos da garota - Pode doer um pouco - sussurrou beijando-a devagar. Pegou-a no colo e passou o braço pela sua cintura fazendo com que ela se sentasse sobre o seu membro, dando inicio a penetração - Você é apertada - murmurou mordendo o lábio inferior e sentindo o sangue escorrer, pelo jeito ela ainda era virgem e isso deixou-o feliz. Beijou todo o pescoço da garota até chegar aos seus seios e chupou-o com força enquanto massageava o outro;
Pegou algemas que estavam em sua calça e passou pelos pulsos da garota - Vai ficar assim até segunda ordem - sorriu e agarrou sua cintura fazendo-a rebolar e quicar em seu colo sentindo o formigamento dentro da garota.
Ficava cada vez mais excitado, apertando um pouco mais forte os dois seios da morena - Você é incrivelmente linda - sussurrou, beijando o canto de sua boca. Segurou-a pelas nádegas e desceu as mãos até suas coxas, apertando as duas e dando uma levíssima palmada

Off: Mals... turno muito pequeno e ruim. Fiz ás pressas pois vou pedir doces e.e /o/
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Yanko
Administrador
Esta mensagem foi atualizada em .
Pamela Busson Koothrappali - 20 anos - Artista

Depois de intensificar os movimentos de sua língua na garota, o rapaz sentou-se e a pôs em seu colo, em seguida lhe dando um beijo suave, no qual a menina correspondeu passando levemente as mãos no rosto de Alex. Assim que sentiu o membro do rapaz a penetrando, ela passou as mãos para as costas do rapaz, dando arranhões que com certeza ficariam marcados depois, e gemeu mais alto que antes, era um pouco de dor, mas a maior parte do que ela sentia era prazer, e ela estava gostando daquilo.
Quando o rapaz pegou algemas, ela mal pôde ver, mas percebeu quando foram colocadas em seus pulsos. Ela ficou um pouco confusa, mas então mordeu seu próprio lábio inferior num pequeno sorriso e então as mãos do rapaz foram até sua cintura, fazendo com que aumentasse a velocidade de que ela quicava por cima de seu membro e também aumentando a frequência e volume de que podia-se ouvir os gemidos de Pamela. ─ VOCÊ é lindo, Alex. ─ Ela disse após o rapaz. ─ Você é perfeito. ─ Sussurrou o olhando.
Ela tinha pensado algumas vezes em como seria a sua primeira vez, porém ela nunca imaginou que seria assim, nem mesmo a situação nem as sensações, e não poderia ser mais perfeito.
Ela continuou aumentando a velocidade de que rebolava por cima do rapaz, e então levou seus lábios até os do rapaz, em seguida passando para o pescoço do mesmo depositando outro chupão, seguidos de alguns outros beijos por volta do pescoço e peitoral do rapaz. Alguns fios de cabelos caíam sobre seu rosto, e ela os jogou para o lado com a cabeça, porém eles continuavam a cair, e ela parou de se importar.

Off: Vou te perdoar porque, bom, não to sendo a mestra da criatividade ultimamente .--.
u.u
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Pietr4
Alexander | 21 anos - Soldado

Sentiu as mãos delicadas da garota acariciarem seu rosto e sorri dando um beijo na palma de uma das mãos. As unhas da garota arranhando suas costas só o deixaram mais excitado, fazendo-o morder com força o lábio inferior. Ao ouvir o alto gemido da garota a acalmou com um longo e calmo beijo, vê-la sentir dor era de certa forma prazeroso, mas em algum lugar em seu cérebro ele não aceitava ver o amor da sua vida sentir dor a ponto de gemer.
O Sorriso da garota o fez sorrir ainda mais maliciosamente e sentia-se já mais ereto do que antes já que agora a garota quicava e rebolava rápido - Que delícia... - murmurou para si mesmo tombando a cabeça para trás e apertando com força a cintura da morena. Ouviu o comentário sobre sua aparência e franziu o cenho, tentando não gemer - Eu sou um filho de Hefesto, nem de longe seria "lindo" - riu, com a voz trêmula e mordeu a língua. O Segundo comentário o vez dar um apertão na bunda da garota - Perfeito? Quero ver dizer isso depois de ficar dois dias sem andar - brincou, dando uma forte palmada á sua nádega. A Garota estava claramente o provocando e aquilo o deixou com cada vez mais vontade de "usá-la" (no bom sentido). Os cabelos da morena caíam sobre o seu rosto cobrindo a bela visão dos olhos dela, ele os retirou colocando-os atrás da orelha dela e acariciou seu rosto selando-a com intensidade. Logo se retirou de "dentro" da garota e a fez ficar de quatro passando seus braços para as costas e segurando-os contra ela, enquanto dava-a uma forte palmada capaz de fazer estalar a pele e deixá-la com uma marca profunda de sua mão. Segurou os pulsos da garota contra o corpo e começou a estocá-la com força enquanto uma das mãos segurava os seus cabelos, curvou-se até que seus lábios chegassem ao seu ouvido e sorriu maliciosamente - Grite, não importa se ouçam.... quero que gema alto e grite o meu nome - aquele já não era mais o carinhoso e "brincalhão" Alex, e sim um rapaz que gostaria de ver a morte vaga com os próprios olhos e BDSM capaz de fazer a mulher morrer entre o ocorrido, mas era passageiro, aquilo era para que ela sentisse prazer, para que quisesse repetir aquilo mais vezes.
Lambeu atrás da orelha da garota e apertou forte uma das suas nádegas, arranhando - Você é só minha... SÓ minha - mordeu a orelha de Pamela e lambeu no local, adorava vê-la com aquela expressão, estava presa e incapaz de se mover.
Deixou de penetrá-la e a virou para si, levantando-a com cuidado pelo pescoço e a beijando intensamente entrelaçando suas línguas e mordendo-a de leve. Fez-a agachar-se com os braços ainda ás costas e começou a penetrar sua boca, dando leves estocadas - Chupe, chupe com vontade e não reclame - disse, sorrindo. Seu rosto estava assustador, suado e com um sorriso não tão simpático. Segurou a nuca da garota e começou a dar estocadas profundas até que sentisse a garganta da garota. Tombou a cabeça para trás e grunhiu de prazer retirando-se da boca desta e vendo a linha de baba sair de sua boca ligando-a a seu membro

Off: MEU DEUS QUE TURNO ESTRANHO XEÇUS XDD
Alex se revelando (?) .q
É O Turno mais sem-sentido que eu já escrevi na minha vida ò.Ó (Pam cuidado... u-u daqui a pouco tu é estuprada .q)
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Yanko
Administrador
Esta mensagem foi atualizada em .
Pamela Busson Koothrappali - 20 anos - Artista

Pamela mordeu o próprio lábio inferior em meio a um sorriso. Ao ouvi-lo dizer que não seria lindo nem de longe, ela se perguntou mentalmente se ele nunca havia se olhado num espelho, mas apenas balançou a cabeça negativamente enquanto ainda sorria. E riu baixo num riso meio envergonhado no comentário seguinte do rapaz. Alex ao retirar os cabelos dos olhos de Pamela acariciou seu rosto lhe dando um beijo intenso a seguir, o qual a menina retribuía enquanto segurava seus gemidos e seu corpo continuava em movimento sobre o rapaz, agora um pouco mais devagar.
O rapaz agora tinha a colocado de quatro no sofá, dando novamente uma palmada em uma de suas nádegas, agora bem mais forte, e ela deu um gemido alto, aquilo sem sombra de dúvidas ficaria marcado no dia seguinte, assim como os chupões em seu pescoço, que agora ela não pensou, mas teria que esconder caso quisesse continuar na seleção, ou mesmo para não descobrirem quem os tinha causado. O rapaz agora aumentava a velocidade das estocadas e Pamela se segurava para não gemer, fazendo com que saíssem apenas alguns suspiros ou gemidos baixos abafados. Então ouviu o que o rapaz disse, e por alguns segundos ainda não deixava que os gemidos saíssem, mas depois não foi mais possível. Pamela agora gemia alto entre algumas vezes que chamava pelo nome de Alex, e em meio seus gemidos, ela fechava os olhos com força, se alguém passasse no corredor era provável que ouvisse, mas ela não se importou com aquilo, ela não podia mais controlar.
Murmurou um "ahan" quando ele dizia que ela era dele. O rapaz retirou seu membro de dentro de Pamela e levou-o à boca da garota. Ela não sabia bem o que fazer, nunca tinha feito aquilo. O rapaz tinha uma expressão diferente agora no rosto, no qual deixou Pamela um tanto assustada, não podia mentir, mas ela não pensou demais naquilo, era Alex. Logo o rapaz segurou sua nuca, colocando e retirando o membro da boca de Pamela com mais velocidade,  até que atingisse a garganta da mesma. Assim que teve o membro do rapaz retirado da boca, a garota ─ na qual engasgou de leve após sentir o membro do rapaz em sua garganta ─ lambeu seu lábio inferior, ato que retirou uma curta linha de baba que tinha entre sua boca e o membro do rapaz.

Off: Chente x.x primeiro são os brinquedos sadomasoquistas, agora leio esse turno, to ficando com medo do Alex já cara kk' ;u;
Desvantagem de fazer turno de noite: Sono = Sem criatividade NENHUMA
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Pietr4
Alexander Grace Ludwig | 21 anos - Soldado

Retirou as algemas dos pulsos da garota e a ajudou a levantar pegando-a no colo e a deitando no sofá. Beijou-a calmamente e desceu os beijos até que chegasse a sua virilha. Começou a masturbá-la rapidamente e penetrou um dedo em sua intimidade enquanto lambia de leve. Deu um forte chupão no local e começou a penetrar sua língua dando leves mordidas sob o seu clítoris, sentia o formigamento na garota, a pressão contra os lábios dele.
Logo ergueu-se e a beijou novamente - Que boquinha gostosa - sorriu e segurou seu queixo olhando no fundo dos olhos escuros da garota. A Abraçou pela cintura trazendo seu corpo junto ao dele e irradiando o calor, os dois suados. Um cheiro de perfume, suor e mais alguma coisa misturada.
Colocou as pernas da garota á sua cintura e começou a penetrá-la rápido, enquanto abocanhava um de seus seios e subia a língua a sua orelha deixando uma trilha e desviando aos seus lábios; os acariciou e deu um selinho - Não precisa esconder de ninguém, ninguém irá adivinhar com quem passou a noite - sussurrou beijando seu pescoço

Off: Sem criatividade também ;-;' morrendo de sono
Nem sei o que eu escrevi .q
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Yanko
Administrador
Pamela Busson Koothrappali - 20 anos - Artista

Sentiu o rapaz tirando suas algemas e logo a pegando no colo, enquanto ela passava as mãos que estavam nas costas, agora para em volta do pescoço do rapaz. Correspondeu ao beijo suave do rapaz, que logo desceu em uma trilha de beijos que o levaram até a virilha da garota. Pamela colocou uma das mãos nos curtos cabelos do rapaz e a outra passava pelos próprios seios enquanto olhava ora para o rapaz ora para cima, dando alguns baixos gemidos abafados e dando um breve sorriso mordendo o lábio inferior.
Sentiu o olhar penetrante do rapaz em seus olhos e sorriu acariciando sua nuca.
Entrelaçou as pernas entre a cintura do rapaz enquanto ele começava a penetra-la novamente.  ─ Tenho a impressão de que você não vai usar camisas amanhã..  ─ Falou com os olhos semicerrados.  ─ Muita coincidência, não?  ─ Ela falou mais como um sussurro.  ─ A não ser que seja normal você aparecer com arranhões..  ─ Disse enquanto passava as unhas nas costas do rapaz, talvez mais forte do que ela imaginava.  ─ ..nas costas e chupões pelo pescoço.  ─ Disse insinuando levemente ou tentando disfarçadamente ─ ou não ─ descobrir, se era comum ele levar garotas para cama ─ no caso, um sofá, mas enfim, deu pra entender.

Off: Acredite, eu entendo XD
;-;
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Pietr4
Alexander Grace | 21 anos - Soldado

Revirou os olhos. Sempre tinha arranhões e roxos pelo corpo, mas eram causa do fogo e do poder da irmã... ela era mais forte que ele e ele sempre apanhava e queimava-se com o próprio fogo, mas o que a garota insinuava era sério... ela estava achando que ele era mentiroso?
Ele retirou-se dela e a beijou acariciando seu rosto e seus cabelos. Vestiu as calças e a olhou - Eu te amo. Mas nunca suspeite de mim... - mordeu o lábio inferior e a ajudou a levantar beijando-a mais uma vez - Vamos, e vamos logo... por que se eu não aparecer no meu turno, aí sim eu perco emprego. Além do mais, tanto eu quanto você deve estar morrendo de sono - ele materializou uma camisa em meio ao fogo e a vestiu, uma camisa branca, limpinha e nova em folha. Ajeitou as roupas de baixo e logo juntou as roupas da garota as entregando para a mesma.
Arrumou os cabelos e bocejou, dando uma última palmada na garota e sorrindo maliciosamente, retirou o colar que usava e logo o pingente guardando a corrente no bolso. Um anel, um anel de prata... que a irmã havia feito... com as próprias mãos. Era o símbolo de amor, sua irmã era filha de Afrodite.
Ele ajoelhou-se e encaixou o anel no dedo da morena, beijando sua mão - Quero que namore comigo. Não vou aceitar nenhum príncipe tomando a minha namorada - brincou rindo e levantando-se. Não era o melhor pedido de namoro de todos os tempos, e não era lá um dos melhores momentos para fazer o pedido mas... ele acabar de "arruinar" o clima, sim, ele havia perdido a vontade e acabado com a primeira vez da garota.
Mas com certeza continuariam... e ainda pior do que antes. Calçou os tênis e acendeu uma tocha com seu fogo, iluminando a sala que não tinha luz - Boa noite, minha princesa - olhou pelo canto dos olhos por cima dos ombros e sorriu de canto - Não sei quantas vezes eu vou te perder e tentar te recuperar. mas não quero que isso aconteça, e aconteça o que acontecer... nunca vou mentir para você. Não quero que nenhum príncipe arruíne o meu primeiro amor - seu tom de voz era frio, mas as intenções eram contrárias.

Off: Saindo. Boa noite... e.e
Pie quebrando climas e estragando primeiras vezes u-u' Mas Alex não suporta que desconfiem dele e.e''
Bom, se quiser fazer com que ela dê um último beijo nele... u3u ~HU3'~ #FeatEnforcadaPelaYanko~
Mas tipo... quer acabar por aqui e voltar para o tópico ou continuar? 'u'

Sem criatividade... turno tá uma bosta, eu sei ;-;'
Responder | Em Árvore
Abra essa mensagem na visão em árvore
|

Re: A Seleção

Yanko
Administrador
Esta mensagem foi atualizada em .
Off: hsuah' tadinha ~.~
Ah, a gente pode voltar pra lá, mas depois a Pamela vai querer conhecer os brinquedos sadomasoquistas do Alex e-e' ~
Vou postar lá agora eu acho, vou escrever o turno agora, se eu ver que tem algo demais, eu posto aqui, ou se não, posto lá logo..

-
Postei lá, pag 71 :)